"Placeless": sem sítio, sem lugar.
Imagens de sombras, reflexos, marionetas, bonecos, recolhidas ao longo dos anos sem uma razão consciente, em sítios físicos que referem a outras realidades e outros tempos, deram origem a uma reflexão pictórica e espacial no âmbito do amplo tema do duplo e, mais especificamente, na sua vertente mais ancestral, folclórica e mágica: do latim alter, outro, projecção que ao pôr em causa a percepção da realidade como ela nos parece, nos leva a vislumbrar outras dimensões, em que as questões de "lugar" e "tempo" tornam-se confusas e só podem se definir por negação.
"Placeless" é também o espaço escolhido para a exposição, o espaço "Manchas de Tinta": uma estrutura sobrelevada por cima doutro lugar físico, já não livraria, não galeria, não sítio, e ao mesmo tempo parte e conjunto dessas dimensões, onde as pinturas são suspensas no vazio, assim potenciando a sensação de indeterminação.
 
_____________________________________________
 

As obras de Elena Valsecchi estão representadas em coleções particulares na Itália, Portugal, França, Bélgica, Chile, Peru e Argentina.
Nascida na Itália, atualmente vive e trabalha na área de Lisboa, Portugal.

 

https://www.instagram.com/ele.valse/

https://www.facebook.com/elena.valsecchi.art.e/